quarta-feira, novembro 12


Dia desses, enquanto ia trabalhar, passei por um mendigo na rua. Do lado dele, havia uma caixa e dentro um cachorro com uma espécie de bolha preta na região da genitália (adoro essa palavra hahaha). Olhei rapidamente e pensei "não vou olhar denovo", mas não resisti e olhei. Fiquei dias pensando nisso.

Cachorros me comovem, de verdade. Adoro eles, são tão puros, fiéis... sei lá, prefiro todos os cachorros do mundo aos seres humanos.

Hoje, passei pelo mendigo novamente, vi a caixa e vi o cachorro dormindo. Fiquei com medo de olhar, mas olhei. Felizmente, o cachorro não era cahorro e sim, cachorra. E aquela enorme e nojenta bolha preta virou oito (sim, OITO!) filhotinhos.

Me emocionei com eles, se pudesse traria todos pra minha casa. Mas, como é meu destino conviver com machos ciumentos, já tenho meu cachorro que como eu disse é macho e ciumento. Ele odiaria a idéia de ter que dividir a vida dele com mais um filhote de qualquer coisa.

Sei que quando ficar velha e sozinha em um apartamento escuro, minha única compania será um cachorro velho, virgem e sozinho. E talvez seja o suficiente mesmo, talvez seja a melhor alternativa pra quem não quer ter problemas pra se preocupar. Digo, problemas a mais, fora os que a vida já dá sem sequer ter oferecido antes.

Talvez também, ele morra logo depois que eu morrer. Assim como Johnny e June. Algo tipo dama e vagabundo hahaha mas só com um canino.

Fato é que cães são as melhores companias. Muito melhor do que seres humanos. Até mesmo pra conversar, meu cachorro presta a maior atenção nas coisas que eu digo hahaha e tenho certeza que ele gostaria muito de responder as perguntas que eu faço ou até mesmo dar alguns conselhos.

Sempre quis saber o que se passa na cabeça de um cachorro, certeza que eles pensam.

enfim, isso está ficando longo demais e como já dizia alguém: divagações tem de ser curtas.



Por Bruna | |



quem.


Bruna, 19 anos, aspirante à jornalista aspirante à alguma coisa. Charles Bukowski, Baudalaire, Woody Allen.Bob Dylan. Alice Cooper, Backyard Babies, Oasis, Rolling Stones. E muito mais.

onde

O blog já existe a anos, mudou de nome, lugar e propósito várias vezes. Para que serve? diria que ocupa a função do psicólogo, terapeuta ou qualquer um desses que tenta entender a mente alheia, porém o blog não proporciona nenhum diagnóstico preciso (aliás, algum deles proporcionam?). Aqui você, caro leitor, encontrará desabafos de uma mente sana, causos de uma pessoa azarada e muitas estórias a serem contadas. Com qual propósito? bom... aparentemente nenhum!


twitter



recomendo.

amigos

Rapha | Jeh | Ju | Tháta | Fabrício | Déia | Magno | Leandro | Ikki | Row | Gui
leio sempre
blog do rafa | te dou um dado | blog do cachorro grande | bruno medina | zeca camargo | blog do tas

não volta.
Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008

status.


eXTReMe Tracker